Resenha: Base Nude Magique Cushion de L'Oreal Paris

Ola olaaaa mozamores. Como vocês estão?

Nem lembro quando foi a última vez que eu trouxe uma resenha aqui no blog, não me considero a senhora comandante entendedora de maquiagem, mas sou a senhora curiosa e viciada nesse assunto. Tendo isso em vista, vim dividir com vocês minha impressão sobre a primeira base cushion da L'Oreal Paris.

Eu sei que a L'Oreal não vende suas maquiagens no Brasil, mas sabemos que no Mercado Livre e em vários sites gringos que entregam no Brasil é super possível encontrar. E quem sabe você não está de viagem marcada e não bate aquela curiosidade quando passar na farmácia ou no mercado?

As bases cushion vem com uma espécie de esponjinha toda furadinha por onde sai o produto quando você pressiona o aplicador nela. (melhor definição que vocês verão). Eu nunca testei outra base desse estilo, mas sei que bomba na Ásia. A da L'Oreal vem com uma esponja para aplicar o produto (pela foto a baixo dá para ver que a minha foi pouco usada, só que não) e um espelho, muito bom até. Ainda possui uma aba para separar a esponjinha aplicadora da esponjinha com produto.
Como o produto não vende no Brasil, eu tirei do site da marca no UK e fiz uma tradução bem bruta sobre o que a base promete.

Primeira base cushion embebida em base liquida para um acabamento nude e “fresh” (acredito que seria viçoso a melhor tradução nesse caso) em um toque.
Esteja preparado para customizar sua cobertura com nosso incomparável aplicador tap-tap (é um nome usado pela marca) que permite construir a cobertura sem esforço. Bata uma vez para uma cobertura fina e luminosa. Bata muito para uma cobertura media e construível. Você decide.

Disponível em 7 cores e com FPS 29.


Como eles falam, a base é para dar um efeito "nude" ou seja, para deixar aquele aspecto natural, mesmo que você pese um pouco mais no produto. A base promete então uma cobertura de leve a média.  

Mas ela cumpre o que promete?

Na minha humilde opinião, ela cumpre sim. É uma base de leve cobertura que permite que você construa até que fique média. Ela não promete ser matte e não é. Deixa aquele efeito luminoso, bem com cara de verão. Bonito até. Poreeeeeeem... É aquela base que você sente que está com ela na pele e durante o dia ela começa a incomodar, eu que moro em uma cidade que não faz tanto calor fiquei com a pele mais oleosa que de costume. É preciso selar com pó e retocar o mesmo durante o dia e isso pode ser um problema para quem mora em cidades quentes ou mesmo tem a pele muito oleosa, que não é o meu caso. Além disso, ela sai se em contato com a água, como lavar a boca por exemplo, mas como é uma base cushion, você consegue reaplicar e corrigir sem muitos problemas. A base durou bastante na minha pele e quando começou a sair, saiu por igual e isso é um ponto muito positivo.Diria que ela dura em torno de umas 5 horas em uma pele não muito oleosa em dia normal.

Eu usei a base praticamente toda, fiz o truque de tirar a esponja e trocar o lado e funcionou bem, consegui mais produto, mas ainda sim acho que vem pouco produto se comparado as bases líquidas comuns..

Coloquei umas fotos para ilustrar melhor para vocês.
Só a base + maquiagem completa 4h da tarde.
Final do dia 11h da noite.

Eu não quis mudar nada nas fotos para deixar elas o mais natural possível. As fotos foram tiradas com a camera frontal do meu Samsung A5.

Conclusões sobre a base: Ela tem uma duração ok para o dia a dia;
Precisa selar ela com um pó para quem gosta da pele mais sequinha;
Sai se em contato com água;
 É possível e fácil retocar durante o dia;
Você sente a base no rosto o que tira um pouco dessa ideia de base natural para mim;
 Possui 14.9 gramas, o que pra mim é bem pouco produto;
Minha cor é a 6 rose gold;
 As cores não seguem um padrão, 1,2,3,4...

Preço: Paguei 14 libras na farmácia, mas vi na Feel Unique que entrega no Brasil por 17,99 libras. Ou seja, não é uma base baratinha, mas também não é cara.

Acredito que existam bases até mesmo da L'Oreal que entregam resultados melhores por preços inferiores. Eu não indicaria essa base para peles oleosas e acredito que não voltaria a comprar ela, apesar da facilidade de aplicação e a embalagem ser ótima para manter na bolsa. O fato de conseguir sentir a base no rosto me incomodou muito e o fato de sair na água me fez evitar usar no trabalho, o que seria o melhor lugar para usá-la se colocarmos em vista a facilidade na aplicação.

Pontuação: Em uma escala de 0 a 10 eu daria 6.5. É uma base boa, mas acredito que pelo preço conseguimos bases que entregam mais, mesmo que sendo não tão práticas.

Alguém já testou?

Gostaram desse tipo de resenha? Gostariam de ver mais resenhas desse tipo?

Comentem aqui em baixo.

Beijoks!!!!!

Me aceitar como eu sou?

Olaaaa mozamores, como vocês estão? 

Como vocês sabem, eu gosto mesmo de um assunto polêmico e encontrei o prato perfeito para dividir com vocês. Que tal falarmos de aceitação. Eita tema bonito da porr*, não é?  
Sim, tema bonito, muito discutido ultimamente, mas que aqui no Até Sem Salto a abordagem será outra.
Eu quero falar com vocês sobre a falsa aceitação ou a imposição da aceitação. OOOOOI? Impor aceitação?

Comecemos com uma questão: Você não e obrigado a aceitar nada. Se você não gosta do seu cabelo ondulado, você tem o direito de alisar. Se você não gosta das suas gordurinhas, você tem o direito de querer emagrecer. Ponto.

Eu fico pra morrer com essa falsa aceitação que vejo rolando na internet. Claro que é lindo quando vemos uma pessoa que gosta do seu corpo,seu cabelo, que está satisfeita e segura com ele, mas isso não é a realidade de muitas mulheres e homens e isso antes de ter algo relacionado com a sociedade, tem a ver com você e só com você. 

Eu conheço pessoas que foram e continuam sendo super inseguras com seus corpos e que me atrevo a dizer... não gostam deles, postando fotos nuas ou semi nuas nas redes sociais com frases de "eu me aceito como sou", "eu sou assim mesmo" quando na vida real, fora daquela tela, elas brigam com o peso, com o cabelo, com a roupa que vão vestir.
Por que isso? Porque atualmente se você não se aceitar é porque você esta sendo vítima dos padrões impostos pela sociedade. Falar isso também não é uma imposição?
Há relatos de meninas que alisavam os cabelos e foram ofendidas, como assim? Um novo tipo de ditadura disfarçado de liberdade?

Basicamente, nós não temos o direito de julgar os que se aceitam e muito menos os que não se aceitam. 

Pregar tolerância apenas para uma das partes com a desculpa de que "é uma minoria" É tão errado quanto a maioria que faz o julgamento. Dois errados não fazem um certo, como diz o ditado. 

Esse post é para fazer você pensar, até onde você realmente se aceita ou ate onde você está sendo forçado a ser algo que você não quer.
Até onde a farsa da vida perfeita nas redes sociais nos influenciará a aceitarmos aquilo que não queremos ser? 
Até onde a necessidade de chocar pessoas tomará a frente da noção de realidade?

Amor próprio é lindo, mas é algo a ser trabalhado e não forçado, inventado.

Poderia me estender e falar sobre obesidade e o mal que isso causa, que tudo bem ser gordinha, desde que sua saúde não esteja sendo afetada.
Posso falar também sobre anorexia e que não tem problema ser magra, desde que não afete sua saúde. E por aí vai.  Mas o foco desse post é abrir os nossos olhos, quando falo nosso, me incluo nessa questão. Eu vivo em redes sociais e muitas vezes me senti mal por não gostar de algo em mim, me vi forçada a gostar daquilo, porque "precisa ser assim".

Temos que saber discernir o que realmente queremos do que nos é imposto, forçado, entubado. Ninguém é obrigado a aceitar nada, a obrigação que temos é respeitar a nós mesmos e ao próximo.
Você não é mais ou menos legal que o colega do seu lado, ou daquela pessoa que é gordinha e posta foto de biquíni e top cropped enquanto você já comprou vários e não consegue usar porque não se sente bem.

Se respeite e respeite seus limites. O resto vem com o tempo!

Looks Instagram de Julho

Ola mozamores!!!

Tem tempos que o post dos looks do Instagram está sumido não é? Mas já estava difícil conseguir tirar fotos, imagina montar um post todinho.

Maaaaas, tempos novos e vamos voltar com tudo, prometidinho. 
Vou tentar manter a frequência de posts terças e quintas e ainda um vídeo na semana lá no canal do Até Sem Salto no Youtube, o dia ainda vou confirmar!!

Voltando com o assunto principal, vou deixar aqui os poucos looks que fotografei em Julho para vocês se inspirarem e opinarem também, afinal, aqui é um espaço democrático!

Lookzinho para o calor surreal e raro que estava fazendo em Londres. Eu adoro saia midi e sim, eu sei que saia com pregas tendem a dar uma engordadinha na silhueta, mas eu gosto tanto que relevo essa questão. A blusa não tinha como ser mais básica, regatinha azul escura. No calor, menos é sempre mais. No pé, meu queridinho da vida que já está tao velhinho que chega dar dó. 
Usei pela primeira vez uma choker combinada com um colar 3 em 1 e amei real.
Foto no sol a pino sempre é difícil de fazer, o sol bem alto cria sombras duras, mas foi o que deu para fazer.

Créditos do look:
Regata Primark: GBP$ 2.00
Saia Primark; GBP$ 10.00
Bolsa e sapato: Via Mia (presentes do maridão)
Acessórios: Uma mistura de tudo quanto eh canto.


Sabe aquele look despretensioso, confortável e que você monta em 2 minutos? Esse foi o caso desse look. Eu sabia que iria andar muito e decidi usar esse look pois era confortável e foi so nisso que pensei e não é que deu certo? Macacão esta super em alta e eu apesar de usar, não gosto muito das versões jeans. Esse ai eu comprei em uma feira de uma menina oriental que faz as peças ela mesma e cada coisa mais linda que a outra. Já penso em voltar e comprar ele em outras cores.

PS: Essa pizzaria aí do fundo faz a melhor pizza que já comi em Londres, muito sério.

Créditos do Look:
Top cropped: Forever 21 (comprei no Brasil ha seculos e não lembro o preço)
Macacão hand made: GBP$ 40.00 (em uma feira em Londres)
Tênis Nike: GBP$ 39.90

Lookzinho básico, mas comemorativo. Aquele look rápido para celebrar o aniversario da amiga mais phyna. Black dress é o tem que ter de qualquer armário. E não da para ver na foto, mas a meia é arrastão beeem fininha e o vestido é todo plissado.

Créditos do Look:
Vestido: Uma loja em Duque de Caxias - RJ - R$100.00
Cinto: GBP$ 7.50 Pull&Bear
Bota: é tão velha que já não lembro mais.
Meia calca: GBP$1.00 (rasgou no dia)

Esse look é tão a minha cara, mas tãaaao a minha cara que a vontade é usar todo dia. Essa calça eu cortei por conta própria, calça rasgada estava muito cara...rsrs
Uma dica para os comilões como eu, Borough Market é visita certa. A variedade de comidas que você encontra é coisa de louco. Eu comi o sanduíche de pato indicado pela minha amiga Michelle, a da foto de cima e vou falar que foi uma experiência maravilhosa.

Créditos do Look:

T-Shirt Hard Rock London:  GBP$ 20.00
Calça H&M: GBP$8.00
Slipper Moleca: R$ 40,00
Óculos NYS Collection: GBP$ 30.00


Por ultimo esse look que virou meu favorito. Quem me segue no Instagram (@alicembogado) viu que ele foi inspirado no look de uma atriz/cantora americana que já foi da Disney e é muito maravilhosa e se vocês quiserem saber em quem me inspirei, terão que ir la no Instagram conferir. Esse foi um look usado para trabalhar, básico, confortável e com um pouco de estilo. Xadrez nunca sai de moda, né mores?

Créditos do Look:
Camisa xadrez Brechó de caridade: GBP$ 5.00
Legging H&M: GBP$ 8.00
Bota: Aquela velha lá de cima...rs
Bolsa C&A: R$80.00


Esses foram os looks inteiros que consegui fotografar para vocês no mês de julho, mas é claro que não tivemos só isso no Instagram, então quem quiser conferir tudo que rola por lá (uma dica, meu Stories tem muita comida) é só clicar aqui www.instagram.com/alicembogado e se juntarem a nós, já somos mais de 1000 por lá!!

Mas me contem, qual look foi o favorito de vocês?

Nos vemos em breve

XoXo!!



Resultado do sorteio Creme Evelyn Regly!!

Olaaa mozamores!!

Demorou, eu sei! Mas saiu o resultado do PRIMEIRO sorteio do Até Sem Salto!  Esse foi o primeiro de muitos que virão se Deus quiser.

Antes de anunciar o vencedor, vou explicar como foi feito o sorteio.

Usei o aplicativo de formulários do Google (https://docs.google.com/forms) para juntar as informações de todos os participantes. Esse formulário gera uma planilha em excel com a ordem dos inscritos. Com base nisso eu usei o site www.random.org  para gerar um numero aleatório dentro de todos os números da planilha. Achei prático e super rápido de fazer!!!!

Sem mais delongas!!!! O vencedor ou vencedora do Creme de Cabelo da Evelyn Regly foooi....

.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
TENSÃO!!
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
PAUSA DRAMATICA
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.

CLARISSA DE ARAUJO DAVICO!



Entrarei em contato com você para pegar os dados de envio do creme! 

Posta uma foto e marca o Instagram para que eu saiba que você gostou!!!



Beijoks!!!!